Incensário de Vidro Octavado com Shiva no Fundo Branco na Dança da Transformação - Deus do Yoga - Aroma & Magia
  Carregando... Por favor, aguarde...
Contate-nos por e-mail!
Aroma & Magia

Incensário de Vidro Octavado com Shiva no Fundo Branco na Dança da Transformação - Deus do Yoga

  • Imagem 1
  • Imagem 2
  • Imagem 3

Preço:
R$ 14,94
Duvida:
Entrega:
Quantidade:

Descrição do Produto

Esse queimador de incensos vertical, em vidro pintado de verde, com Deus Shiva em sua Dança da Transformação, em branco, possui um contraste que o deixa inigualável, além do suporte transparente e quadrado (liso embaixo e rústico por cima, meio cônico), dá um charme a mais nesse queimador de incensos, pois o torna uma linda peça decorativa, em qualquer lugar, claro que além de proporcionar o essencial: a queima de seus incensos.

Shiva é um deus Hindu (Deva).

Chamado, na tradição hindu, de "o Destruidor" (ou "o Transformador"), participa da Trimúrti (a trindade hindu) juntamente com Brama (Brahma), "o Criador", e Vixnu (Vishnu), "o Preservador".

Na verdade ele destrói para construir algo novo, assim, preferimos chamá-lo de "renovador" ou "transformador".

Uma das duas principais linhas gerais do hinduísmo é chamada de xivaísmo, em referência ao deus.

As primeiras representações surgiram no período Neolítico (em torno de 4.000 a.C.) na forma de Pashupati, o "Senhor dos Animais".

A criação do yôga, prática que produz transformação física, mental e emocional, portanto, intimamente ligada à transformação, é atribuída a ele.

Shiva é o deus supremo (Mahadeva), o meditante (Shankara) e o benevolente, onde reside toda a alegria (Shambo ou Shambhu).

O tridente que aparece na ilustração de Shiva é o trishula. É com essa arma que ele destrói a ignorância nos seres humanos. Suas três pontas representam as três qualidades dos fenômenos: tamas (a inércia), rajas (o movimento) e sattva (o equilíbrio).

A naja é a mais mortal das serpentes. Usar uma serpente em volta da cintura e do pescoço simboliza que Shiva dominou a morte e tornou-se imortal. Na tradição da ioga, ela também representa kundalini, a energia de fogo que reside adormecida na base da coluna. Quando despertamos essa energia, ela sobe pela coluna, ativando os centros de energia (chakras) e produzindo um estado de hiperconsciência (samádhi), um estado de consciência expandida.

No topo da cabeça de Shiva se vê um jorro d'água. Na verdade é o rio Ganges (Ganga) que nasce nos pés do Senhor Vishnu, e jorra na cabeça de Shiva. Há uma lenda que diz que Ganges era um rio muito violento e não podia descer à Terra pois a destruiria com a força do impacto. Então, os homens pediram a Shiva que ajudasse e ele permitiu que o rio tão logo saísse do Mundo Espiritual, caísse primeiro sobre sua cabeça, amortecendo o impacto e depois, mais tranqüílo, corresse pela Terra.

Lingam ("emblema", "distintivo", "signo"), também chamado de linga, é o símbolo fálico de Shiva. Ele representa o pênis, instrumento da criação e da força vital, a energia masculina que está presente na origem do universo. Está associado ao poder criador de Shiva.

O lingam é o emblema de Shiva. Na Índia, reverenciar o lingam é o mesmo que reverenciar a Shiva. Ele pode ser feito em qualquer material, embora o preferido seja o de pedra negra. Na falta de uma escultura, se constrói um lingam com a areia da praia ou do leito do rio; ou simplesmente se coloca em pé uma pedra ovalada.

É comum, nos templos, se pendurar sobre o lingam uma vasilha com um pequeno orifício no fundo. A água é derramada constantemente sobre ele numa forma de reverência. A base do lingam representa yoni, a vagina, mostrando que a criação se dá com a união do masculino e feminino.

O tambor em forma de ampulheta representa o som da criação do universo. No hinduísmo, o universo brota da sílaba /ôm/. É interessante comparar essa afirmação com a conhecido prólogo do Evangelho de São João: "No princípio era o Verbo (a sílaba, o som). E o Verbo era Deus. (...) Tudo foi feito por Ele (o Verbo) e sem Ele nada se fez."

É com o som do damaru que Shiva marca o ritmo do universo e o compasso de sua dança. Às vezes, ele deixa de tocar por um instante, para ajustar o som do tambor ou para achar um ritmo melhor e, então, todo o universo se desfaz e só reaparece quando a música recomeça.

Shiva está intimamente associado ao fogo, pois esse elemento representa a transformação. Nada que tenha passado pelo fogo, permanecerá o mesmo: o alimento vai ao fogo e se transforma, a água evapora-se, os corpos cremados transformam-se em cinzas. Assim, Shiva convida-nos a transformarmo-nos através do fogo do ioga. O calor físico e psíquico que essa prática produz auxilia-nos a transcender os nossos próprios limites.

Sendo o asceta eremita da Trimúrti, Shiva é considerado o criador da ioga, que teria ensinado pela primeira vez à esposa Parvati.

Talvez não tenhamos conseguido captar toda a a beleza desta peça na foto apresentada (acreditamos que ao vivo ela é mais linda do que a mostrada na imagem) e que, com certeza, demorará a ser encontrada em outra loja virtual, pois procuramos bem a mesma para presentear, no momento, apenas 1 de nossos amigos com ela, garantindo assim a exclusividade que sempre propiciamos a quem nos acompanha com frequência.

Nessa belíssima representação, tipo ilusão de ótica, que pode não conter todos os elementos mencionados na descrição, podemos encontrá-lo em plena dança para sua transmutação que transcende o espírito e a mente.

Se você gosta de belos objetos e com muitos significados, sejam eles esotéricos ou não, aja rápido, pois trouxemos apenas duas peças para dois de nossos amigos bem especiais.

Feito em vidro, pode ser aquele "algo mais" que você procurava para queimar seus incensos sem deixar as cinzas caírem no local onde você acendeu.

As cinzas do incenso ficarão alocadas em seu recipiente e você as joga fora quando ele acabar de queimar.

Adquirindo esse incensário, aproveite e compre também seus incensos (nacionais ou indianos) em nossa loja.

Dimensões aproximadas: 9 cm de diâmetro x 2,5 cm de altura (pelos pezinhos) x 3,5 cm de cada lateral de seu octágono.

Materiais utilizados: vidro, tinta e metal.

Peça para apenas dois nossos amigos de excelente bom gosto e que curta os deuses hindus!

Deixe seu comentário sobre o produto

Comentários sobre o produto

Este produto não foi comentado ainda. Seja o primeiro a comentar sobre este produto!

Últimos Visualizados por você:

Os últimos produtos visualizados:


Aroma & Magia
Televendas:
info@aromaemagia.com.br
Horário de Atendimento:
24 Horas no Ar!
 

São Paulo - Capital - Não Possuímos Loja Física